Seguidores

terça-feira, 20 de março de 2012

Uma manhã no Quintal!

Boas!

No passado Domingo, foi dia de realizar a visita da praxe ao meu quintal!
Depois de uma noite que choveu alguma coisa, para os dias que correm quase que era de forma torrencial :), acordei com ânimo e vontade de pescar! Com a situação tão complicada como a que atravessamos qualquer gota de água causa alterações no caudal, mas não sendo suficiente para escurecer a água, infelizmente!

Pequeno almoço tomado, saio de casa e um vento noroeste, que empurrava as nuvens e trazia sol, com uma temperatura baixa! Lá se ia a chuva embora outra vez...
No caminho para o rio, a estrada estava bastante molhada, o que me alegrava, pela possível alteração de caudal no rio! E sim alterou-se...não muito, mas deu para alegrar um pouco mais as correntes e dar um pouco de fôlego ao rio para mais uns dias de calor primaveril! Mas nem tudo eram rosas.a água tinha arrefecido e de que maneira e o céu alternava de nublado a céu limpo com alguma rapidez, o que dificultou a escolha de amostras!
Esta foto foi tirada o ano passado pela mesma altura do mês de Março. Este ano o espumeiro é metade
O plano estava traçado, início num poço a jusante e termino num poço a montante! Tínhamos 4 horas para pescar!

Chego ao local estipulado para dar início às hostilidades, quando faço um pouco de ruído e vejo a primeira truta, diga-se de bom tamanho a fugir rio abaixo! Para começo estava mau....lançamentos e mais lançamentos e nada se mexe! Explorei bem aquele local com colher Mepps e com a MaxRap e nada...

Fui subindo o rio calmamente, o mais afastado possível, e chego a um açude de que gosto muito e fotografado vezes sem conta por mim, lanço um pouco distanciado da queda de água, sinto um toque e tinha uma trutinha cravada...uma truta pequena mas muito bonita!

                               

video

Mais uns metros, e acontece a cena caricata do dia! Uma das razões para eu gostar muito de pescar às trutas, é a audácia destes maravilhosos peixes. Estive durante 10 minutos com esta truta que veem na foto, com a colher a cair-lhe em cima, ao lado, mais atrás, mais á frente, e a bicha não se mexeu do mesmo sítio! Impressionante! Nem se assustou...nada!



Deixando a truta para trás, fui até ao troço mais a montante. Logo a descer o rio vejo uma truta...que desatou a correr! Era o aviso que era necessário andar com mais atenção!

Lá chegados, fiz logo um local onde o rio estreita um pouco, aumentando a corrente e que precede um pequeno fundão! Este local é do meu agrado e de que maneira!
Escondi-me atrás de uns restos de feto, e lanço para a parte final da corrente, estico o fio, mal a colher começa a trabalhar crava uma truta! Pouca luta deu, apenas quando se viu a ficar sem muita margem de manobra deu um salto, mas muito rápido veio ter às minhas mãos!


Lançamento seguinte, para um pequeno remanse, e aí estava novo ataque...e truta cravada! Esta bem mais bruta...sempre muito combativa! 3 Saltos fora de água...tento controlar e mais um salto mesmo ao pé de mim e descrava...era um peixe muito parecido ao da primeira foto!
Com estas duas capturas seguidas, tinha que aproveitar ao máximo este momento de atividade! Já só pensava no poço onde fiz a truta da abertura!


 
Os lançamentos eram executados com precisão e leveza e bem longe do rio, para a amostra trabalhar certinha, passando por todos os recantos, e no primeiro lançamento numa corrente com pouca profundidade, cravo outra truta!
Com pouco espaço para fugir, tirei-a com muita facilidade!


3 Trutas num curto espaço de tempo...e a pressa de chegar ao poço era cada vez maior!
Assim foi...fui cavalgando rio até chegar ao dito cujo!
Primeiros lançamento com colher nada...insisti um pouco! Nada se sentiu atraído pela rotação da colher....era tempo de dar descanso, e trocar para a MaxRap! Mais lançamentos, para os locais mais profundos e com mais esconderijos e nada! Troquei para o Tormentor da Abu Garcia e nada...Salmo Hornet e também nada!

Rapidamente o entusiasmo pelo poço resfriou...era hora de voltar a casa para o almoço!
Foi uma manhã com alguma actividade truteira...no próximo fim de semana há mais!

Abraço


6 comentários:

  1. Água potável em seu rio. Fotos muito bonitas e relatório.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ola Tom!

      Por diversas vezes que já bebi água do rio!

      Abraço

      Eliminar
  2. grande ninja..

    tenho mesmo que marcar um dia para ir as trutas, estou curioso..

    grande relato e bonitas fotos, assim é muito bom ir pescar...

    1 abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ola Zé!

      Há 1 ano que estou á espera da tua visita!!

      Abraço

      Eliminar
  3. Muito bom, embora prefira os peixes do mar pelo tamanho que se pode tirar as paisagens e sons do rio são de longe melhores.

    No mar acabo o dia cansado, no rio acabo o dia relaxado e tranquilo.

    Boas pescas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ola João!

      Concordo contigo...é um autentico spa uma caminhada pelo rio!

      Continuo a espera de um mail teu, para combinarmos uma pesca!migueloliveirapereira@gmail.com

      Abraço

      Eliminar